Jael, uma mulher abençoada!

terça-feira, 21 de maio de 2013


"Pois o Senhor Deus entregará Sísera nas mãos de uma mulher." (Juízes 4:9 NTLH) Assim começa a história de Jael. A frase acima foi dita pela profetiza Débora para Baraque, o comandante do exército israelita. Israel estava em guerra contra Jabim, rei de Canaã, e Sísera era o capitão do seu exército. Quem estava julgando Israel naquele tempo, era uma profeta chamada Débora. Ela chamou Baraque e disse a ele que o Senhor já havia ordenado que separasse dez mil soldados para lutar contra Sísera. Então ele disse que iria a luta se ela fosse com ele. Débora disse: "Está bem! Eu vou com você. Mas você não ficará com as honras da vitória, pois o Senhor Deus entregará Sísera nas mãos de uma mulher." (Juízes 4:19 NTLH) A guerra se desenrolou e o Senhor entregou os inimigos nas mãos de Israel. Sísera o capitão inimigo fugiu a pé e entrou na tenda de Jael, porque seu marido Heber não tinha inimizade com Jabim, rei de Canaã.

Jael permitiu que Sísera entrasse em sua tenda. Ele pediu água e ela lhe deu leite e um cobertor. Quando ele adormeceu por causa do cansaço da guerra e da fuga. Ela pegou uma estaca, e com um martelo cravou-lhe na cabeça, matando-o imediatamente. Naquele momento Baraque estava seguindo Sísera, e quando chegou perto da tenda de Jael, ela se aproxima dele e o leva para ver que Sísera estava morto. 

Quando Israel venceu Jabim, rei de Canaã, Débora começou a cantar e a festejar com o povo. E uma parte da canção dizia: "Bendita seja sobre as mulheres Jael, mulher de Heber." (Juízes 5:24) Ela foi tida como abençoada, pois através dela, o Senhor entregou nas mãos de Israel o capitão do inimigo. Na curta história desta mulher, vemos duas características importantes:
1) Lealdade - Isto era algo que ela tinha, mesmo sendo seu marido amigo do inimigo. Isso é uma lição para nós. Mesmo que todos a nossa volta sejam infiéis, nós devemos permanecer fiéis e leais ao Senhor. "Sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida." (Ap 2:10)
2) Coragem - Outra coisa que sobressai nesta mulher é a coragem. Mesmo no meio da guerra, permitiu a entrada do inimigo para destruí-lo. É necessário desenvolvermos a coragem para lutar contra todos os nossos inimigos. Temer somente a Deus. 

Que neste Dia da Mulher, Deus possa levantar muitas mulheres como Jael. Fiéis e corajosas. Cumprindo a vontade do Senhor incondicionalmente.


6 comentários:

  1. muito bom post! realmente, Jael foi uma mulher guerreira e corajosa, e um homem soberbo como jabim foi humilhado diante de uma mulher.
    abç

    ResponderExcluir
  2. Deus quer levanta mulheres de coragem

    ResponderExcluir
  3. Deus quer levanta mulheres de coragem

    ResponderExcluir
  4. Deus quer levantar mulheres de coragem

    ResponderExcluir
  5. Deus quer levantar mulheres de coragem

    ResponderExcluir

Seguidores de Cristo

 
Blog do Pastor Jessé © 2013